Indústria e varejo comemoram

Publicado em 19 de Janeiro de 2018

A tímida recuperação registrada na demanda doméstica por calçados, tanto no mercado interno como internacional, animou os calçadistas para 2018. Embora o clima seja de cautela, pois trata-se de um ano com muitos feriados e eventos, como Copa do Mundo de futebol e eleições, a inadimplência em queda, a inflação e os juros baixos e a retomada da confiança por parte do consumidor formam um contexto de projeção positiva. Essa foi a tônica da coletiva de imprensa conjunta da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e Associação Brasileira dos Lojistas de Artefatos e Calçados (Ablac), realizada no dia 16, na Couromoda2018.

Saudando a união entre entidades setoriais da cadeia coureiro-calçadista, o fundador e presidente da Couromoda, Francisco Santos, ressaltou que, com as condições econômicas favoráveis – e as reformas necessárias para o ajuste das contas públicas – aliadas aos esforços do setor para a adaptação às condições de mercado, a expectativa é de retomada. “Essa é a melhor Couromoda dos últimos quatro anos e tenho convicção de que, com o esforço conjunto dos empresários, iremos consolidar a posição do Brasil como um dos maiores produtores de calçados do mundo, o maior fora da Ásia”, disse.

O diretor geral da feira, Jeferson Santos, também saudou os participantes da coletiva e reforçou a confiança em um ano ainda mais positivo para o setor calçadista. Segundo ele, a visitação expressiva e muito qualificada do primeiro dia da Couromoda é um indicativo de que o mercado está de fato reagindo. Como as vendas do varejo no Natal registraram um crescimento de 5,4%, melhor resultado desde 2011, o lojista precisa se reabastecer para atender a clientela. E a Couromoda é momento ideal para esta reposição.Birigui esteve na Couromoda deste ano com a presença de oito empresas do polo, em estandes individuais.

O presidente-executivo da Abicalçados, Heitor Klein, destacou o leve crescimento no varejo ao longo de 2017, impulsionado sobretudo pela queda da inflação. Segundo ele, o incremento nas vendas internas, embora ainda tímidos, foram importantes para que a produção de calçados aumentasse mais de 3% ao longo do ano, mas o que “salvou” o setor foram as exportações. “A Abicalçados trabalha com duas preocupações quando se trata de análise de mercado, a demanda doméstica e o impacto da competitividade nas exportações”, comentou. Com isso, o executivo avaliou que o crescimento das vendas internacionais no ano passado, de 1,2% em pares e 9,3% em receita em relação a 2016 (127 milhões de pares por US$ 1,09 bilhão, o melhor resultado desde 2013), teve papel determinante para o desempenho do setor calçadista.

Desafios estruturais
Embora comemorando o resultado de 2017, Klein destacou que os desafios para a indústria ainda são grandes, já que esse número ainda está muito aquém de performances anteriores – quando o setor gerou quase U$ 2 bilhões com embarques e conseguiu grandes índices de crescimento no varejo.

Levantando as questões estruturais que afetam diretamente o desempenho do segmento, como a alta carga tributária e os altos custos logísticos e trabalhistas, o executivo ressaltou que a Abicalçados também tem trabalhado fortemente com iniciativas que permitam uma melhora da competitividade da indústria no “intramuros” e que não dependam do poder público. “Dentro deste contexto, a Abicalçados tem trabalhado ações que permitam uma maior competitividade para a indústria, especialmente por meio de inciativas como as do âmbito do Future Footwear, que buscam incorporar novos modelos de negócios, processos de produção e tecnologia em produto no segmento”, apontou, dando exemplos práticos como o projeto Sola, que através da automação logística promoveu a economia de R$ 500 mil em um ano para uma grande calçadista nacional.

Fonte: site Couromoda

Fórum Fimec: Moda e Negócios trará conhecimento para os visitantes

O Fórum Fimec: Moda e Negócios é uma das grandes novidades da 42ª edição da Fimec. Pensado especialmente para fornecer informação e capacitação de qualidade ao setor coureiro-calçadista, o evento […]

Fimec falará de moda em Fórum inédito

Evento contará com a presença de Alexandre Herchcovitch Os profissionais da moda já tem encontro marcado no dia 6 de março. Em paralelo com a 42ª edição da Fimec (Feira […]

Cadastre-se e receba novidades!

+55 (18) 3649-8000
sindicato@sindicato.org.br
sinbi.birigui
SINBIBirigui
2017 - Sinbi Birigui - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por: DLS/ Comunicação